Adobe revela o futuro do Flash

A Adobe liberou hoje um documento sobre o planejamento do Flash Player, Adobe AIR e ActionScript para os próximos anos.

Basicamente, como já tinha comentado no outro post (chamado “Síndrome da Morte”), o foco dos produtos interativos da Adobe serão games e, o que eles chamaram de, premiun video market.

No documento, a Adobe dá uma breve introdução sobre o que são os produtos em discussão e logo após a projeção das features das versões futuras.

O documento deixa claro que a intenção é que o Flash Player se torne uma ferramenta de distribuição de games, chegando a qualidade de console, calma, isso não vai acontecer agora, mesmo tendo exemplos como esses abaixo, que já são funcionais e tem uma qualidade bem legal:

http://www.flare3d.com/showcase
http://away3d.com/showcase/
http://alternativaplatform.com/en/showcase/;

Com a liberação do novo Flash Player 11, já com o Stage3D integrado, as possibilidades do Flash cresceram muito nos quesitos qualidade e poder de processamento, tanto que no final do ano passado 2 das principais engines de games atuais, a Unity3D e a UDK (Unreal Development Kit) anunciaram que esse ano devem liberar suporte completo ao Flash Player, ou seja, você produz em uma dessas duas incríveis engines e exporta seu jogo ou aplicação em Flash Player (SWF) atingindo assim uma base instalada de mais de 90% dos computadores ao redor do mundo.

Apesar de ter confirmado a descontinuação do Flash Player mobile, a Adobe reforça que com o Adobe AIR é possível criar apps para praticamente qualquer smartphone ou tablet, incluindo iPhone e iPad, e que continuará a trabalhar junto com as empresas responsáveis para a melhor adaptação dos seus runtimes em cada plataforma, extendendo esse compromisso para todos os sistemas operacionais desktop.

Fora isso, as promessas para o ActionScript deixam uma boa expectativa, já que incluem: integração com bibliotecas C/C++, game services, maior compactação para byteArrays, multithread, entre outras.

Espero que  agora o movimento anti-flash dê uma acalmada, chega de querer ver quem é o melhor HTML5/CSS3 ou Flash, todos tem seu espaço e função, cabe a nós, desenvolvedores, escolhermos o que se encaixa melhor na necessidade do nosso cliente.

Grande abraço.

Categoria: Labs.
Tags: , , , , .

Sobre Maycon Souza

Diretor de Tecnologia da Morphy, entusiasta de novas tecnologias movido pela superação dos desafios!

Deixe um Comentário

Os campos com * são obrigatórios. Seu e-mail não será divulgado.